Referências com Link de acesso:

Referências sem Link de acesso:

    • GADOTTI, M. Inovações educacionais: educação integral, integrada, integradora e em tempo integral. São Paulo: Instituto Paulo Freire, 2008.
    • PACHECO, S. M. Educação Integral e qualidade: problematizando a relação. Salto para o futuro, Ano XVIII, boletim 13, Rio de Janeiro, ago. 2008.
    • CANÁRIO, Rui. Territórios educativos e políticas de intervenção prioritária: uma análise crítica. Florianópolis: Editora da UFSC, 2004. pp. 47-77
    • GUARÁ, Isa Maria F. R. Educação e desenvolvimento integral: articulando saberes na escola e além da escola. Brasília: MEC, 2009. pp. 65-81
    • GUARÁ, Isa Maria F. Rosa. É imprescindível educar integralmente. Caderno CENPEC, nº. 2, 2006. p. 15-24.
    • COELHO, L. M. C. C. . História(s) da educação integral. Em Aberto, v. 22, p. 83-96, 2009
    • CAVALIERE, Ana Maria . Anísio Teixeira e a Educação Integral. Paidéia (USP. Ribeirao Preto. Impresso), 2009.
    • ALGEBAILE, Eveline. Escola Pública e pobreza no Brasil: a ampliação para menos. Rio de Janeiro: Lamparina, Faperj, 2009.
    • THIN, Daniel. Para uma análise das relações entre famílias populares e escola: confrontação entre lógicas socializadoras. Revista Bras. de Educação, v. 11, n. 32, maio-ago.2006, p. 211-225.
    • Educação Integral/Educação Integrada E(m) Tempo Integral:Concepções e Práticas na Educação Brasileira – Mapeamento das experiências de Jornada Escolar Ampliada no Brasil. Disponível em www.mec.gov.br
    • PARO, Victor. Educação Integral em Tempo Integral: uma Concepção de Educação para a Modernidade. In COELHO, Ligia Martha C. C. (Org.). Educação Integral em Tempo Integral: Estudos e Experiências em Processo. Petrópolis – RJ: DP ET Alii; Rio de Janeiro: FAPERJ, 2009.
    • CAVALIERE, Ana Maria Vilela. Escola de Educação Integral: Em direção a uma educação escolar multidimentsional. Tese de Doutorado: FE/PPGE/UFRJ, 1996
    • ALGEBAILE, Eveline. Escola pública e pobreza no Brasil: a ampliação para menos. Rio de Janeiro: Lamparina/Faperj, 2009
    • PARO, V. et al. A escola pública de tempo integral: universalização do ensino e problemas sociais. Cadernos de Pesquisa, s.l., n. 65, p. 11-20, 1988
    • MOLL, J. A Cidade Educadora como Possibilidade: apontamentos. In: CONZATTI, M.; FLORES, M. L. R.; TOLEDO, L. (orgs.). Cidade Educadora: a experiência de Porto Alegre. São Paulo: Cortez, 2004
    • MAURÍCIO, L. V.. O que se diz sobre a escola pública de horário integral. In: Cadernos CEMPEC – Educação Integral nº 2. São Paulo: CEMPEC, 2006
    • ERNICA, M. Percurso da educação integral no Brasil. In: CENPEC – Centro de Estudos em Educação, Cultura e Ação Comunitária. Seminário Nacional Tecendo Redes para a Educação Integral. São Paulo, 2006
    • COELHO, L. M. Escola Pública de horário integral: um tempo (fundamental) para o ensino fundamental. In: ABRAMOVICZ. A. e MOLL, J. Para além do fracasso escolar. Campinas, Papirus, 2004
    • CABEZUDO, A. Cidade Educadora: uma proposta para os governos locais. In: GADOTTI, M.; PADILHA, P. R.; CABEZUDO, A., (orgs). Cidade educadora: princípios e experiências. São Paulo: Cortez: Instituto Paulo Freire; Buenos Aires: Ciudades Educadoras America Latina, 2004
    • TOLEDO, Alex F. et al. Um olhar exploratório sobre diferentes modalidades de educação integral. In: COELHO, L. M. C. C. Educação integral em tempo integral: estudos e experiências em processo. Petrópolis: DP et alli, 2009. p. 219-240
    • LOPES, Alice C.; LÓPEZ, Sílvia, B. A performatividade nas políticas de currículo: o caso do ENEM. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 26, n. 1, p. 89-110, abril 2010.
    • SACRISTÁN, J. Gimeno. A educação obrigatória: seu sentido educativo e social. Porto Alegre: Artmed, 2001.
    • SACRISTÁN, J. Gimeno. Poderes instáveis em educação. Porto Alegre: Artmed, 1999
    •  CAMBA, S. V. ONGs e escolas públicas: uma relação em construção. São Paulo: Editora e Livraria Instituto Paulo Freire, 2009. 
    • GERMANI, B.  Educação de tempo integral: passado e presente na rede municipal de ensino de Curitiba. Dissertação de Mestrado. Curitiba/PUC-PR, 2006. 
    • GIDDENS, A. Admirável mundo novo: o novo contexto da política. In: MILIBAND, D. (org.). Reinventando a esquerda. São Paulo: Ed. Unesp, 1997. [pp. 39-57]
    • BAKUNIN, M. A instrução integral. São Paulo: Imaginário, 2003

Deixe um comentário

Você deve estar logged in para postar um comentário.